Take a fresh look at your lifestyle.

Agespisa e Equatorial ficam proibidas de suspender os fornecimentos de seus serviços por 60 dias

O Ministério Público juntamente com o Procon Piauí entraram com uma Notificação Recomendatória Conjunta, solicitando a não suspensão dos fornecimentos de água e energia elétrica em todo estado do Piauí.

O pedido foi feito pelo Dr. NIVALDO RIBEIRO, Promotor de Justiça e Coordenador-Geral do PROCON/MP-PI, pela Dra. CLÁUDIA PESSOA MARQUES DA ROCHA SEABRA, Promotora de Justiça e Coordenadora do CAODS e as Promotoras de Justiça Dra. GLADYS GOMES MARTINS DE SOUSA e Dra. MARIA DAS GRAÇAS DO MONTE TEIXEIRA, representantes da 31ª e 32ª PROMOTORIAS DE JUSTIÇA DE DEFESA DO CONSUMIDOR DE TERESINA no último dia 20 de março, e atendido neste sábado dia 21, conforme informou o promotor de justiça da cidade de Luzilândia ao site Rio Parnaíba.

Tendo em vista o decreto emergencial de calamidade feito pelo Governador do Estado, o MPPI e Procon da capital Teresina, pediram que os órgãos Equatorial Piauí, Águas de Teresina e Agespisa, não efetue o rompimento da transmissão e fornecimento dos serviços essenciais, mesmo que haja consumidores em atraso com as empresas supracitadas no período de 60 dias, podendo este ser prorrogado enquanto durar à pandemia no país.

“O Ministério Público através do PROCON Estadual, recomendou a Agespisa e Equatorial que não cortassem a água e a energia dos consumidores num prazo de 60 dias. A recomendação foi acatada e a Equatorial já está orientando todas as suas agências em todas as cidades para suspender às ordens de cortes a partir de hoje. Então, isso foi decidido ontem e, na data de hoje 21/03/2020, as notas que já foram enviadas serão canceladas. As empresas atenderam à solicitação do Ministério Público e suspenderam os cortes por 60 dias no Piauí”. Disse o Dr Carlos Rogério Promotor de Justiça de Luzilândia.

Contudo, o Governo e as Empresas estão  fazendo seus papéis e colaborando, agora, cabe  ao povo fazer a sua. Portanto, ‘FIQUEM EM CASA E VAMOS EVITAR A PROPAGAÇÃO DO  VÍRUS COVID-19’.

VEJA À RECOMENDAÇÃO: AQUI

Fonte: Portal Rio Parnaíba

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.