Collor diz que Bolsonaro repete erro dele e corre risco de impeachment

Trinta anos depois de sua eleição, o ex-presidente Fernando Collor diz que Jair Bolsonaro está cometendo os mesmos erros que o levaram ao impeachment. “Continuando do jeito que está, eu não vejo como este governo possa dar certo. São erros primários”, afirma.

O senador vê semelhanças entre o extinto PRN (atual PTC) e o PSL. Ele diz que caiu porque se recusou a dividir poder e negociar com os partidos. “Estou revendo um filme que a gente já viu”, alerta.

(…)

Vejo semelhança entre o tratamento que eu concedi ao PRN e o que ele está conferindo ao PSL. Em outubro de 1990, nós elegemos 41 deputados. O pessoal queria espaço no governo, o que é natural. Num almoço com a bancada, eu disse: “Vocês não precisam de ministério nenhum. Já têm o presidente da República”. Erro crasso.

O que está acontecendo com o Bolsonaro é a mesma coisa. A bancada do PSL foi eleita na onda bolsonarista, é verdade. Mas quando a pessoa chega e assina o termo de posse, ela vira entidade.

(…)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.